terça-feira, 24 de novembro de 2009

Minha Cruel Ilusão



Qual é a pior traição?

Para mim a do meu próprio coração!

Que mesmo sabendo quem tu eras;

Quem tu foste;

O que fizeras...

Ainda assim me dei...

Dei-me enganosamente

Entregando meus pontos fracos vagarosamente;

Para você se entranhar novamente

Em minha alma... Perigosamente!

Levou contigo o doce beijo;

Deixo comigo um cruel pelejo;

Que na solidão ainda vejo;

A morte de alguém que eu amei!!!

Seria eu posta a prova por esse alguém mais uma vez?

Sim, pois bem;

Se me jogou no chão

Magoando meu coração

Retirando meus sonhos de paixão

Então não contes a nenhum vilão;

Porque posta a prova eu fui, e passei sem nenhuma intenção;

Como nada nessa vida fica em vão

Faço desses versos minha ressurreição;

Para que sempre saibas

Que jamais permitirei que falsos percalços em meu caminho

Produzam o suficiente para plantar muitos espinhos.

Cuidado amor..., mais devagar;

Plante mais flores, mas sem enganar;

Porque nada nessa vida, fica sem resposta...,E a resposta que Deus dá...,

É o caminho por onde um dia querendo ou não; você passará!!!



Autora: Danielle Georg.

2 comentários:

Mago Igor disse...

Esse é um dos poemas mais bonitos que já li. Lindo como você!
Mil Beijos.

Flavio Vaz disse...

Mago Igor sou eu, viu...
Beijos.
Flavio Vaz.